Archive | March, 2011

O passo forte da extrema-direita francesa

31 Mar

As eleições cantonais francesas ficam marcadas pela vitória do Partido Socialista, mas também pela ascensão da Frente Nacional de Marine Le Pen.

Este ato eleitoral pretende eleger os conselheiros gerais de cada departamento, sendo este último a principal divisão administrativa de França – ao todo, o território francês detém 100 departamentos. As eleições decorrem segundo um sistema eleitoral maioritário de duas voltas.

Na segunda volta a 27 de março, segundo o Le Figaro, o Partido Socialista (PS) presidido por Martine Aubry, saiu vencedor com 36,2% dos votos, sendo seguido pelo UMP (União para um Movimento Popular, de Jean François Copé e Sarkozy) com 18,6% e pela Frente Nacional (liderado pela filha do fundador Jean-Marie Le Pen), que registou 11,56% da votação. Foi verificada uma abstenção recorde: 55% dos cidadãos não exerceram o direito de voto.

As escolhas dos franceses refletem-se nas previsões para as presidenciais em abril de 2012: uma sondagem recente revela que Dominique Strauss-Kahn, o presente diretor de Fundo Monetário Internacional, poderá alcançar 34% dos votos, superando Nicolas Sarkozy – com 17% – e Marine Le Pen, detentora de 21% das intenções de voto.

Após a primeira volta, que já prometia resultados favoráveis à FN, Aubry apelou à «derrota da extrema-direita», o que não sucedeu. Le Pen festejou os resultados, sentenciando que o «sistema UMP-PS vai desabar», e a sua Frente Nacional, cujos resultados nas presidenciais de 2002 são assinaláveis – Jean-Marie Le Pen disputou a segunda volta com Chirac – procura agora avançar na corrida partidária.

+++Este artigo foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.+++

Novos nomes no Sudoeste TMN

31 Mar

Zola Jesus, Destroyer, Gui Boratto, Richie Hawtin e Bag Raiders são as novas confirmações para o festival Sudoeste TMN 2011.

A norte-americana Zola Jesus, que no ano passado actuou no Super Bock em Stock, vai subir ao Palco Jogos Santa Casa Planeta Sudoeste no dia 7 de agosto. O canadiano Destroyer e os australianos Bag Reiders sobem ao mesmo palco mas no dia 4 de agosto.

Gui Borato e Richie Hawtin são os primeiros nomes confirmados para o Palco Groovebox. O brasileiro vai acutar no dia 4, o mesmo em que Amy Winehouse no Palco TMN e anglo-americano terá como companhia, mas no palco principal, Interpol e Swedish House Mafia no dia 7.

O festival realiza-se de 3 a 8 de agosto na Zambujeira do Mar, na Herdade da Casa Branca. Os bilhetes custam 48€ (diário) e 90 (passe para os cinco dias).

+++Este artigo foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.+++

Bombay Bicycle Club no Optimus Alive

31 Mar

O cartaz do Optimus Alive tem mais uma confirmação. A banda britânica Bombay Bicycle Club estreia-se em Portugal no dia 7 de julho, segundo dia do festival.

I Had the Blues But I Shook Them Loose é o primeiro trabalho do grupo que atuará no palco Super Bock. Aceite pela mais conceituada crítica musical, foi este álbum, lançado em 2009, que foi a rampa de lançamento dos Bombay Bicycle Club para o mundo da música e valeu-lhes um prémio de Melhor Banda Nova da revista NME.

O segundo álbum, Flaws, prima pela versatilidade do quarteto. Lançado no ano passado, o projeto contém músicas acústicas como Ivy&Gold, que fez com que entrassem nos tops britânicos.

No mesmo dia do festival atuam no palco principal a banda portuguesa Xutos e Pontapés, Foo Fighters e Iggy Pop & The Stooges. Quanto ao palco secundário, Primal Scream, Kele, Everything Everything, Bloody Beetroots e Seasick Steve farão com que mais um dia deste festival de verão fique completo.

Os bilhetes já estão à venda nos locais habituais e variam entre 50€ (bilhete diário), 99€ (passe para três dias) e 129€ (passe para quatro dias).

+++Este artigo foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico+++

Concerto da Semana: The Voca People

31 Mar

São israelitas e dizem vir do planeta Voca, onde toda a comunicação é feita através da expressão vocal. Os Voca People surgiram no início de 2009 e rapidamente conquistaram o sucesso mundial através de vídeos publicados na internet. Regressam agora a Portugal, ao Auditório dos Oceanos do Casino de Lisboa para, mais uma vez, encantar os portugueses com o seu estilo e talento únicos.

O youtube e as redes sociais foram os principais responsáveis pela divulgação destes novos músicos, que surpreendem com performances de teatro vocal, conjugando sons vocais e canto acapella com a arte do moderno beat-box humano.

Os oito membros deste curioso grupo, três mulheres – contralto, mezzo e soprano –, três homens – baixo, barítono e tenor – e dois beat-boxers, reproduzem, em espetáculos inéditos, temas que marcaram diversas épocas. Vestidos de branco da cabeça aos pés, levam o espetador numa viagem por musicalidades e ritmos de vários géneros. Pop, rock, jazz, música sacra e clássica, cantores e bandas de sucesso como Michael Jackson, Tom Jones, Celine Dion, Queen, Nirvana, Spice Girls, são algumas das interpretações possíveis de assistir nas suas atuações.

Os cantores extraterrestres, como são conhecidos, contam com mais de 15 milhões de visualizações na internet e bilheteiras esgotadas por todo o mundo. Aliando um novo conceito musical e o bom humor ao efeito surpresa, o grupo apresenta a música no seu estado puro, prometendo espantar o público devido à total inexistência de instrumentos.

Em palco em Lisboa desde 22 de março e até 6 de abril, os espetáculos decorrem de terça-feira a sábado às 21h30 e aos domingos, em matinées, às 17h. Os bilhetes podem ser adquiridos nos locais habituais e os preços variam entre os 30 e os 35 euros.

+++Este artigo foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico.+++

O Doutor do povo

31 Mar

Mais do que um reconhecimento pessoal, acredito que esta láurea é uma homenagem ao povo brasileiro, que nos últimos oito anos realizou, de modo pacífico e democrático, uma verdadeira revolução económica e social, dando um enorme salto qualitativo no rumo da prosperidade e da justiça”, afirmou o ex-presidente do Brasil, Luis Inácio Lula da Silva nesta quarta-feira (30), na cidade de Coimbra, onde foi doutorado “Honoris Causa” pela Universidade de Coimbra.

Lula, que ontem (29) recebeu a notícia da morte do ex-vice-presidente, José Alencar, mostrava-se visivelmente abatido com a morte de seu amigo. “Nada disso teria sido possível, igualmente, sem a colaboração generosa e leal daquele que foi o meu parceiro de todas as horas, um dos homens mais íntegros que já conheci, o inesquecível estadista que perdemos ontem, para consternação de toda a sociedade brasileira: o meu vice-presidente José Alencar Gomes da Silva.”, disse o ex-presidente brasileiro.

A cerimónia, que contou com várias personalidades políticas como o presidente de Portugal, Aníbal Cavaco Silva, o primeiro-ministro português, José Socrátes, o presidente de Cabo Verde, Pedro Pires e a presidente do Brasil, Dilma Rousseff, foi marcada pela grande quantidade de estudantes brasileiros. A Universidade portuguesa tem hoje mais de 1.500 alunos inscritos.

A presidente do Brasil que também foi citada por Lula em seu discurso devido a sua contribuição no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), foi recebida com gritos de apoio, porém alguns também de protesto quanto à construção da Barragem de Belo Monte, no estado do Pará.

Lula, que recebeu o convite para ser Honoris Causa ainda quando era presidente, decidiu que só aceitaria após deixar o cargo. Ele não é o primeiro Presidente brasileiro a receber o título de Honoris Causa da Universidade de Coimbra. O título já foi concedido a ex-presidentes como Fernando Henrique Cardoso, Juscelino Kubitschek, entre outros.

A visita de Lula e Dilma Rousseff foi diminuída em 8 horas devido à morte do ex-vice-presidente. Após à homenagem, ambos seguiram para Lisboa e da capital portuguesa foram para Brasília, onde vão participar das homenagens a José Alencar.

Le Carré rejeita prémio

30 Mar

David John Moore Cornwell. É este o verdadeiro nome de John le Carré, autor de romances de espionagem que rejeitou o prémio Man Booker Internacional, anunciado hoje, em Sidney. O objetivo do prémio é distinguir autores vivos pelas suas obras, prémio que o autor rejeitou.

«Fico tremendamente lisonjeado por ser escolhido para finalista do prémio Man Booker Internacional», afirma John le Carré. Mas o autor de vários sucessos como O Espião que Saiu do Frio, de 1963, recusa-se a competir por prémios literários. Assim, pediu ao júri do prémio para retirar o seu nome da lista dos 13 finalistas nomeados.

O pedido de autor foi, contudo, recusado pelo presidente do júri do evento, Rick Gekoski que se confessa desapontado por um dos maiores autores britânicos desde 1945 rejeitar a participação num evento desta natureza. Porém, em declarações ao jornal britânico The Guardian, Gekoski afirmou que le Carré continuará a ter o seu nome na lista, «porque somos grandes admiradores do seu trabalho».

O prémio Man Booker International é entregue de dois em dois anos e vale 68 mil euros. O vencedor será conhecido a 18 de maio, apesar da cerimónia acontecer a 28 de junho, em Londres. Para além de John le Carré, constam também na lista Su Tong, Wang Anyi e David Malouf.

+++Este artigo foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico+++

Milhões de Festa 2011

30 Mar

O festival Milhões de Festa está de volta em 2011. Nos dias 22, 23 24 de julho, o Parque Fluvial de Barcelos vai voltar a vibrar ao som das novas bandas de rock e punk nacional e internacional.

O Milhões teve a sua primeira edição em 2007 na cidade de Braga e posteriormente teve lugar no Porto, mas em 2010 regressou ao Minho e foi na pequena cidade de Barcelos que se destacou e foi considerado um dos melhores eventos musicais nacionais.

Em 2010, 60 bandas dividiram-se pelos três palcos barcelenses, um dos quais instalado na piscina municipal da cidade, ao ar livre. Com o rio ali bem ao lado e com o parque da cidade adaptado a parque de campismo, o Milhões foi comparado ao já consagrado Paredes de Coura.

Este ano o cenário volta a repetir-se e estão já confirmadas as presenças dos portugueses A Long Way To Alaska e Glockenwise, dos britânicos Electrelane e Dj Fitz, dos norte-americanos Foot Village e os turcos Kim Ki O.

Barcelos, uma das cidades mais jovens do país e da Europa, está repleta de novos talentos musicais, como são os GoDog e os Indignu, e está cada vez mais a afirmar-se como a cidade do rock português. Muitos são os eventos musicais a ter lugar da cidade do Galo anualmente. O Cellos Rock Na Barragem ou o projeto Subscuta são dois exemplos da importância que Barcelos dá à música e do esforço que faz para promover a música portuguesa.

Promovido pela Lovers & Lollypops, em parceria com a Câmara Municipal de Barcelos, a Casa da Juventude e a Empresa Municipal de Desportos, o Milhões de Festa 2011 promete fazer tremer o norte do país no mês de julho. Os bilhetes vão estar à venda brevemente.

+++Este artigo foi escrito ao abrigo do novo Acordo Ortográfico+++